Fotografia

Brasilidade

Hoje vou mostrar pra vocês algumas fotos que tirei para um trabalho da faculdade. A proposta era fazer um cartaz com o tema ”Brasilidade”, fugindo do óbvio (carnaval, futebol e mulher). Eu e minha amiga – Isabela Pio – procuramos na internet sobre os turistas que estavam passeando no Brasil na época da Copa do Mundo, e muitos falavam da gentileza dos brasileiros, o sorriso no rosto, abraço, beijo, e carinho. E alguns fatos curiosos que encontramos:

”Por aqui os casais se beijam e demonstram afeto em público, o que não acontece em muitos países, como Estados Unidos e Canadá.”

”É rápido fazer amigos, tanto na favela quanto nos condomínios mais exclusivos.”

Os brasileiros são muito vivos e cheios de energia.” Para os gringos, estamos sempre nos mexendo, subindo e descendo, pra lá e pra cá. Ufa!

”Os brasileiros se abraçam muito mais, aplaudem o pôr do sol e falam “Boa praia!” para as pessoas.”
.
”Os brasileiros passam a impressão de serem felizes simplesmente por estarem vivos, algo muito valorizado pelos estrangeiros e que dividimos com outros povos, como os indianos e os turcos.”
 .
E focando no lado afetivo, fotografei algumas pessoas (pai, mãe, irmã e amigos) para fazer o trabalho, e abaixo vocês podem conferir as fotos:
.
 .
Vocês gostaram das fotos? :) Eu achei uma mais fofa que a outra hahaha Sou suspeita pra falar! Gostaria de agradecer aos meus pais, irmã e amigos que aceitaram ser fotografados. Em breve eu mostro o resultado do trabalho pra vocês!
 .
Anúncios

Fotografia na Faculdade

Como muitos leitores já sabem, eu faço faculdade de Publicidade e Propaganda, entrei esse ano e estou no segundo semestre. Uma das matérias que tive era Fotografia, e eu aprendi muita coisa que eu nem imaginava. Ser fotografo NÃO é só pegar uma câmera e sair fotografando por ai, saibam disso. Você aprende várias funções de uma câmera, sobre luz, foco, abertura, profundidade e muito mais! E resolvi mostrar pra vocês o meu primeiro trabalho de fotografia na faculdade.

O que tinha que fotografar?

”Capturar diferentes imagens demonstrando os conceitos de obturação (velocidade) e profundidade de campo (abertura).”

Vocês que pensam que fotografar é só pegar a câmera e apertar um botão, estão muuito enganados (é sério!). Comecei aprendendo o que era o obturador e diafragma, só por ai, dá pra saber que não é tão simples assim… E ainda mexer no zoom, e no foco da câmera.

O trabalho era tirar 4 fotos: uma com movimento e que ficasse ”congelada”, com movimento e ”borrada”, com muita profundidade, e com pouca profundidade. O professor entrega a câmera da mão do aluno e você está #livre para andar na faculdade e fotografar o que quiser utilizando os conceitos que ele ensinou nas aulas! Vejam as fotos:

1- Tentativa de tirar uma foto com muita profundidade:

2- Tentativa de tirar foto com pouca profundidade: (deixar o fundo desfocado)

Essas duas fotos mostram bem sobre profundidade e foco, na primeira foto a torre não está focada, chamando atenção o cubo, o livro e bola no fundo. E na segunda foto, a torre está focada, deixando sem foco os objetos que estão atrás:

E essas são as fotos que eu escolhi para entregar no trabalho:

1- Foto com movimento – Borrada 

2- Foto com movimento – Congelada 

3- Foto com muita profundidade

4- Foto com pouca profundidade (fundo desfocado)

Adorei as aulas de Fotografia, e espero aprender cada dia mais! Qual foto vocês mais gostaram? Se quiser saber mais informações sobre a faculdade, ou o curso é só deixar um comentário no post que eu respondo, e vou estar sempre compartilhando com vocês outros trabalhos da faculdade também :) Beijos!

Dia da Fotografia com Thainara Parisoto

Para comemorar o dia da fotografia, queria fazer algo diferente para postar… E surgiu a ideia de entrevistar uma fotografa! Alguém que gostasse realmente detirar fotos e decidiu seguir essa carreira como profissão.

A escolhida foi a Thainara Ferreira Sousa Parisoto, conheço ela por ter estudado na mesma escola em que eu estudei. A libriana nasceu dia 20 de outubro de 1993 em Osasco. Seu sonho é ter sucesso em sua carreira, e é viciada em filmes e série. Fiz algumas perguntas e ela me respondeu, espero que vocês gostem da entrevista :)


Uma curiosidade sua: Para mim, fala-se “trabisseiro”, mas escreve travesseiro. HAHAHA! Não, não estou zoando. Meus amigos me zoam com isso até hoje!

Como surgiu a vontade de fazer faculdade de fotografia? Acredite ou não, pela graduação de publicidade. Passei no vestibular para fazer publicidade e propaganda e meu pai me questionou o porquê de eu querer fazer o curso, eu respondi dizendo que na publicidade queria me especializar em fotografia publicitária e ele me perguntou “mas, porque você irá fazer publicidade?” e a partir dessa frase, meu mundo “caiu” e eu mudei tudo. Fiz um curso básico e simplesmente me apaixonei mais por fotografia e aí decidi seguir meu sonho de fazer faculdade de fotografia.

Você já fez algum curso para aprimorar as técnicas? Sim, eu fiz um curso básico de formação em fotografia pelo SENAC.

O que você gosta de fazer nos seus tempos livres, além de fotografar? Sou uma cinéfila assumida, viveria no cinema se pudesse.

O que a fotografia significa para você? Amor. Memória. Felicidade. Pra mim, não é só uma foto que eu tirei e achei bonitinha, fotografia é marcar a pessoa de alguma forma.

O que te inspira ao fazer uma foto? Tudo depende do que eu estou fotografando. Se for uma paisagem, gosto de mostrar aquilo que ninguém vê; ou que vê, mas não admira; exemplo do céu com a suas mudanças de cores que ninguém admira! E, se for pessoas, gosto de mostrar a essência dela.

Muitas pessoas acham que fotografar é fácil e que todo mundo sabe tirar uma boa foto, mas sabemos que isso não é verdade. Tem alguma curiosidade que você descobriu fazendo o curso que talvez muitas pessoas não soubessem? A história da fotografia é incrível. Eu fico simplesmente encantada na aula; como por exemplo, pela fotografia surgiu o cinema ou até mesmo, nas primeiras fotos de retrato as pessoas tinham que ficar paradas na mesma posição por volta de uns 40 minutos (existiam equipamentos para segurar a pessoa para que ela não se movesse) para conseguir tirar uma fotografia, por isso, que nas primeiras fotografias elas não sorriam.

Dizem que entrar no mercado profissional é complicado, você já está em busca de algum estágio ou um lugar para trabalhar? Sim, com certeza. A graduação de fotografia não exige um estágio, mas é sempre bom procurar um por questão de aprendizado e a possibilidade de ter um emprego fixo futuramente.

O que chama atenção para você em uma fotografia? Você prefere fotografar pessoas ou paisagens? Pessoas. Gosto de lidar com pessoas, e principalmente, ver a expressão delas ao ver o resultado. O melhor é elas não acreditarem que são elas mesmas na foto.

Quais suas ambições no mundo da fotografia? Tem algum sonho que deseja realizar seguindo essa profissão? Eu tenho um desejo de fotografar algum cartaz de filme, se for de herói, melhor ainda! Acho magnífico os cartazes de filme; ele tem uma função importante de querer fazer você assistir o filme e o expectador sempre fica com a imagem na cabeça.

Você pretende seguir carreira na fotografia, ou tem outros planos para fazer na faculdade? Quero seguir carreira, quero trabalhar na fotografia publicitária, moda e cinema.

Que dica você dá as pessoas que pretendem seguir a carreira de fotografo? Faça. Acredite em você; vai ser difícil? Claro, como qualquer outra profissão. Mas, se você fica sorrindo de orelha a orelha ao falar sobre, ou melhor, se te faz FELIZ, faça. É a tua vida, teu sonho. Não trabalhe por dinheiro, trabalhe por felicidade e reconhecimento que aí o dinheiro vem! Pode parecer clichê, mas SIGA SEU CORAÇÃO.

Gostaram das fotos da Thainara?  Confira mais cliques no SiteFlickr, Fan Page e Instagram!

#100DiasTekaTecla – Parte 3

Oi pessoal, quem acompanha o blog já leu post sobre o Projeto 100 Happy Days, e hoje vou compartilhar mais fotos com vocês dos meus dias felizes. E pra quem perdeu, é só olhar as primeiras fotos aqui, e a continuação – parte 2 aqui. E eu já cheguei essa semana na metade do projeto, e já posso comemorar que tive 50 dias felizes Vamos as fotos:

8

#Dia37 – Amo esse sorvete, Chambinho me fez feliz ♥
#Dia38 – Sábado de muito amor ao lado de pessoas especiais
#Dia39 – Fini dentadura e ursinho *-*

9

#Dia40 – Vitória do Brasil – 4×1 contra Camarões
#Dia41 – Ouvir Luan Santana me faz feliz
#Dia42 – Assistir o filme O Lado Bom da Vida

CERTO1

#Dia43 – Passar o dia inteiro deitada no sofá
#Dia44 – Comprar passagem pra viajar pra Brasília
#Dia45 – Brasil x Chile – Vitória do Brasil nos pênaltis

CERTO2

#Dia46 – Comprar acessórios e esmalte (mostrei tudo aqui)
#Dia47 – Passear na Avenida Paulista
#Dia48 – Fotografar pro Blog Teka Tecla :B

ultimo

#Dia49 – Fui na exposição Obsessão Infinita
#Dia50 – Comprei a revista Atrevida com o Luan Santana na capa ♥
#Dia51- Dia de jogo do Brasil, fini e bigode grosso hahahaha

Essas são as fotos dos meus dias felizes! E essas últimas semanas foi bem complicado fotografar o que realmente me fazia feliz, porque fiquei doente, e pra mim, ficar deitar o dia inteiro sem sentir dor já era motivo de alegria, mas como mostrar isso pra vocês? hahaha Mas já fiquei bem, e claro que não pode faltar foto de comida, porque doces me fazem muito feliz ♥ #ficadica O importante é não desanimar, e não desistir!  Ainda faltam 49 dias, e tenho certeza que serão de muita alegria pra mim :D #CompartilheAlegria

Brasil x Chile

SÁBADO VERDE E AMARELO! Êê seleção brasileira, que susto vocês deram hoje em todos os torcedores! Gol do Brasil, mas é gol do Chile logo em seguida. É Fred que se machuca, Daniel Alves, Luiz Gustavo, Hulk e Jô tomando cartão amarelo, é jogador chileno fazendo falta, juiz não marcando, substituição. É gol cancelado, lance mal interpretado, prorrogação, e nada de gol do Brasil pra conquistar a vitória! Pênalti, o que todo mundo temia. Hoje, nós brasileiros sofremos até o fim. Mas a vitória foi nossa, e vamos para a próxima fase com jogo na sexta-feira, 4 de julho, em Fortaleza! Adversário da vez: Colômbia.

É hora de acreditar, cantar, gritar, torcer e não abaixar a cabeça. Nós queremos o HEXA, e vamos torcer muito nos próximos jogos pra isso acontecer

Encontrei umas fotos bem engraçadas que o pessoal está publicando nas redes sociais sobre o jogo de hoje no Mineirão:

b

b2

Vamos torcer pra sexta-feira o Brasil jogar bem e conquistar a vitória nos 90 minutos de jogo! #VaiBrasil #EuAcredito

Fotos: Desimpedidos e Futebol da Depressão